Capa pets
Voltar

Excesso de remela. O que pode ser?

4
dez 2018
Excesso de remela. O que pode ser?

É normal que após uma boa noite de sono o seu cãozinho acorde com remelas, geralmente com aspecto mucoso e amareladas. Porém fiquem atentos, pois o excesso dela pode ser indicativo de que seu cãozinho está com doente. Caso note o excesso procure um veterinário, pois ele pode estar com alguma dessas doenças abaixo e a negligência pode levá-lo à cegueira.

1) Síndrome do olho seco
É uma inflamação da córnea e da conjuntiva dos cães ocasionado pela destruição imunomediada das glândulas lacrimais. Além da remela em excesso, ocorre inflamação e o animal acaba esfregando e piscando os olhos constantemente. Apesar de grave, pode ser curado, se for diagnosticado rapidamente.

excessoderemela-blog2
2) Glaucoma

Esta doença acontece quando os fluidos oculares não são drenados ou não circulam de forma correta, levando a um aumento da pressão, ocasionando mudanças degenerativas, podendo levar seu cãozinho à cegueira. Caso a doença não seja hereditária, tem maior chances de cura.

3) Alergia
Diversos elementos, quando em contato com os olhos, podem causar alergias em seu pet. Seja grama, poeira, sujeira da casa, alimentos, entre outros, podem causar irritação nos olhos do animal e levar ao excesso de remelas.

4) Conjuntivite 
Apesar de ser uma doença mais comum, também exige cuidados. Ela é uma inflamação que pode ser causada por agentes tóxicos, bactérias ou vírus, alergias, que causam vermelhidão e irritação nos olhos. Além de causar remelas, ela apresenta também inchaço.

Essas são algumas das doenças que podem apresentar remelas em excesso em seu cãozinho. Lembre-se de procurar um médico veterinário para ter certeza do que se trata e tomar os devidos cuidados. A prevenção é sempre o melhor remédio.

Compartilhar:

Labovet no youtube

Curta nossa página no facebook

Siga-nos no Instagram