banner-pet
Retorno

Otite Canina – Tratamento e prevenção

14
Mar 2017
Otite Canina – Tratamento e prevenção

A otite é uma infecção no ouvido muito comum nos cães. Algumas raças apresentam otite canina com mais frequência como Golden Retriver, Basset, Hound, Cocker Spaniel, Dachshund, Setter Irlandês e Labrador por possuírem orelhas maiores. Porém, é importante ressaltar que qualquer raça está sujeita ao aparecimento dessa complicação, nem só os cães com orelhas grandes e caídas podem ser acometidos. A otite afeta diferentes partes da região auricular. De acordo com o local específico prejudicado pode-se dividir em otite externa, otite média e otite interna. Essa doença pode ser ocasionada por bactérias, fungos, parasitas, produção excessiva de cera, predisposição genética ou ainda outros fatores.

 

Sintomas

Dentre os principais sintomas da otite se destacam a coceira intensa, dor e choro ao coçar, cheiro forte no ouvido, excesso de cerúmen (cera), balançar demais a cabeça de um lado para outro, perda de audição, vermelhidão ou escurecimento na região do ouvido, além da perda de apetite, que ocorre devido à dor que o cachorro sente. Leve seu cachorro imediatamente ao veterinário ao observar esses sintomas. O médico veterinário fará o diagnóstico preciso para evitar complicações futuras.

 

Tratamento

O tratamento da otite canina irá decorrer de acordo com a origem e nível de desenvolvimento da inflamação no ouvido do cão. Em alguns casos, a realização de uma limpeza profunda já pode trazer melhorias ao problema, mas dependendo do agente causador, medicamentos como antibióticos e anti-inflamatórios podem ser receitados. O grau de desconforto do cachorro pode ser tão grande que será necessário o uso de analgésicos ou em casos mais graves a sedação. O importante é fazer a administração do medicamento sempre da melhor forma possível, sem causar traumas ao animal.

 

Prevenção

otite-blog2Para prevenir a otite canina, mantenha a higiene das orelhas e ouvidos do seu pet em dia. Você pode aplicar algumas gotas no canal auditivo de Etimag Oto Clean, seguida pela administração do Etimag Oto Septic semanalmente ou a cada dez dias. Caso exista muitos pelos na região, uma tosa higiênica pode ser indicada, evitando assim o acúmulo de sujeira. Outra medida importante é sempre enxugar as orelhas do cão quando forem molhadas, já que a umidade na região forma um ambiente extremamente propício para o surgimento do problema. Ao observar a inflamação os donos nunca devem dar medicamentos por conta própria, a otite canina pode se complicar levando a quadros graves como alterações de equilíbrio ou até doenças neurológicas. Por isso leve sempre seu amiguinho ao veterinário e realize corretamente o tratamento prescrito.

 

Quer saber sobre mais cuidados especiais com seu amigão de quatro patas? Então confira algumas dicas e cuidados especiais com cães idosos e até a próxima.

Veja também:

Como lidar com a ansiedade da separação
Como lidar com a ansiedade da separação
Otite Canina – Tratamento e prevenção
Otite Canina – Tratamento e prevenção
Vacine seu cãozinho com Elevencell
Vacine seu cãozinho com Elevencell
Férias! Dicas para viajar tranquilo com seu pet
Férias! Dicas para viajar tranquilo com seu pet
Cuidados especiais com cães idosos
Cuidados especiais com cães idosos

Labovet no youtube

Curta nuestro perfil facebook

Siga nuestro perfil Instagram